Googlebot Atualiza WRS para Versão 74 do Chrome

Após anos utilizando o versão 41 do Chrome para renderizar páginas o sistema de renderização (WRS) de páginas do Googlebot foi atualizado para a versão mais recente do Chrome, no caso a 74.

Conforme anunciado ontem no Google Webmaster Central Blog, o Googlebot recebeu um upgrade e agora utiliza a versão mais recente do Chrome para renderizar páginas rastreadas. No momento da escrita deste post, versão 74.

Em termos mais técnicos o “web rendering service (WRS)” do bot roda com a Chromium rendering engine 74.

Say, what?????

Como o Google Funciona (modo super simplificado)

Para os novatos em SEO criei um modelo simplificado para ilustrar o processo de rastreamento e indexação do Google.

Imagem de uma círculo exemplificando o funcionamento do googlebot. Rastreamento, Renderização, Indexação e Classificação

Por que essa mudança é importante para nós SEOs?

Desde os primórdios é sabido que o Googlebot tem dificuldades em processar JavaScript. Um dos motivos é que até então o crawler usava um sistema de renderização da versão 41 do Chrome, ou seja, de mais de 4 anos atrás.

Outro ponto é que na verdade o Google opta por não processar JavaScript. Em suma, JS geralmente é processado no lado do usuário e para tal seria necessário mais capacidade computacional o que encareceria o valor do rastreamento.

Em teoria, com a atualização os problemas de processamento de versões mais avançadas de JavaScript devem deixar de existir. Em comparação com versões mais antigas, são mais de 1.000 novas compatibilidades, como por exemplo:

Seria esse o fim de Server Side Rendering e Polyfills?

Ainda é muito cedo para dizer se isso vai mudar a forma como devemos otimizar sites que utilizam JavaScript Frameworks.

Se todo esse assunto de JavaScript SEO é novidade para você recomendo os seguintes recursos:

Troubleshooter for JavaScript Website

Google Webmaster Youtube Channel: JavaScript SEO Series

The Ultimate Guide to JavaScript SEO

Quer saber mais sobre JavaScript SEO? Então fique ligado que estou preparando um super Guia sobre o tema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.